quinta-feira, junho 20, 2024
InícioSaúdeOlhou diretamente para o eclipse? Veja como saber se seus olhos estão...

Olhou diretamente para o eclipse? Veja como saber se seus olhos estão bem

O eclipse solar deste último sábado (14) foi visível em diversas partes do Brasil por milhares de pessoas. Porém, mesmo com as inúmeras recomendações na internet que não se deveria olhar diretamente para o Sol durante o fenômeno, logicamente houve quem quisesse desafiar as regras e encarou a estrela sem qualquer tipo de proteção para os olhos.

Efeitos da exposição direta ao Sol

(Fonte: GettyImages)

Você já deve ter visto em algum lugar aqueles truques de colocar fogo em um pedaço de papel somente usando uma lupa em um raio solar, não é mesmo? Isso acontece porque a luz do Sol é tão forte que se você concentrá-la com uma lente, isso realmente pode causar um incêndio. O que as pessoas esquecem, no entanto, é que nossos olhos também possuem lentes. Portanto, se você olhar diretamente para o Sol, essa lente concentrará um ponto de luz solar na sua retina — o que aumenta os riscos de queimá-la.

Como um eclipse solar afeta a visão?

Como um eclipse solar “tapa” o Sol por alguns instantes, existe um grande entusiasmo em poder olhar para a estrela diretamente. Tendo em mente que eclipses solares são eventos bem raros, é comum que as pessoas queiram vê-los quando ocorrem. Porém, sem a proteção necessária para sua visão, é bem provável que você tenha se colocado para correr um risco desnecessário.

Funcionamento do eclipse e danos à visão

(Fonte: GettyImages)

Em termos simplificados, precisamos entender que o Sol não causa mais danos aos olhos humanos durante um eclipse solar do que causa em qualquer outro dia. Porém, durante o evento, a cobertura da Lua torna muito menos doloroso observá-lo por mais tempo. É por isso que as pessoas se sentem tão tentadas a encarar o astro diretamente na justificativa de que não estão sentindo nenhuma dor inicial.

Sinais de danos à visão e testes caseiros

O primeiro sinal de danos à retina surge após um ou dois dias, quando a visão do indivíduo pode ficar embaçada. A área afetada, então, se inchará como uma gema de ovo, podendo levar até um ano para voltar ao normal. Uma forma de testar em casa se você machucou seus olhos é imprimir uma grade de Amsler, uma ferramenta usada para detectar problemas de visão por médicos. Fechando cada olho separadamente, concentre-se no ponto central da imagem e veja se a grade circundante parece ondulada, manchada ou distorcida.

Proteja seus olhos para o próximo evento astronômico

Agora que você entende melhor os riscos de olhar diretamente para o Sol durante um eclipse, fica o alerta para proteger seus olhos da próxima vez que um evento astronômico como esse acontecer. Lentes de proteção específicas para observação solar são acessíveis e garantem que você possa desfrutar desses momentos sem comprometer sua saúde visual.

Você já olhou diretamente para um eclipse solar? Como você protege sua visão durante eventos astronômicos? Deixe sua opinião nos comentários!

Veja Mais

POPULARES