segunda-feira, junho 17, 2024
InícioTecnologiaPor que celulares esquentam muito e como evitar?

Por que celulares esquentam muito e como evitar?

Nos momentos em que você utiliza o seu celular, é normal que ele esquente durante algum tempo, como quando está carregando ou rodando algum aplicativo pesado. Entretanto, quando o aparelho aquece demais, pode ser um sinal de alerta importante e envolver alguns perigos.

Entenda por que o celular esquenta e como evitar problemas

O superaquecimento do celular ocorre por conta da liberação de energia no aparelho. Isso acontece em razão de fatores específicos, como o carregamento da bateria, ou por fatores externos, como deixar o celular no sol ou usar uma capinha que não areja bem o aparelho. O calor exagerado que está fazendo nessa onda de aquecimento global pode ainda estimular que o seu smartphone apresente esse problema.

Quando o aparelho começa a esquentar demais, isso pode afetar a sua eficiência. “Normalmente componentes eletrônicos funcionam melhor em baixas temperaturas, uma vez que a diminuição da temperatura melhora a condutividade elétrica. Porém, a elevação da temperatura ambiente como tem acontecido parece não atingir níveis comprometedores para integridade de aparelhos telefônicos”, explica Thompson Reis, coordenador de pesquisa, design e inovação em materiais do Centro de Inovação e Tecnologia do Senai-MG.

Principais causas do aquecimento e como evitar

Dentre as situações que podem levar ao aquecimento anormal do celular, estão:

  • Bug no sistema operacional;
  • Ligações telefônicas muito extensas;
  • Papel de parede com animação 3D;
  • Problema na bateria;
  • Presença de vírus no celular;
  • Apps muito pesados;
  • Bluetooth ligado enquanto não está sendo usado;
  • Carregamento rápido do celular;
  • Versão desatualizada do sistema operacional;
  • Componentes internos com erros;
  • Gravar vídeos em alta resolução por tempo prolongado;
  • Rodar jogos muito pesados.

O que fazer para evitar que seu celular esquente demais?

Acima de 43°C, seu celular pode estar correndo riscos. (Fonte: GettyImages)

Para começar, é importante saber detectar quando a temperatura está muito alta. Isso acontece quando o smartphone está marcando acima de 43°C (o ideal, segundo os especialistas, é que o aparelho esteja entre 37°C e 43°C).

Ao notar que seu celular está com a temperatura muito alta, tente realizar as ações abaixo:

Desabilite as funções ativas:

Pode ser que seu celular esteja aquecendo porque ele está desempenhando muitas funções em segundo plano, sem que você saiba. Verifique nas configurações do aparelho se isso está acontecendo e desligue-as.

Exclua aplicativos que não usa muito:

Muitas vezes, a gente baixa aplicativos para um uso específico e nunca os apaga, mesmo que não esteja usando mais. Pois vale a pena fazer um pente fino e deletar os que estão ociosos, pois os aplicativos parados podem estar colaborando com o aquecimento do seu celular.

Preste atenção na capinha do celular:

As capinhas de celular podem parecer bem inocentes, mas algumas delas, que “tapam” demais o seu smartphone, podem colaborar com o superaquecimento do aparelho. Antes de colocar uma capa nova no seu, avalie se ela não está tampando saídas importantes do celular, evitando que o ar circule adequadamente.

Reduza o brilho da tela:

Deixar a tela no brilho máximo também pode superaquecer os componentes do seu celular. Procure usar a luminosidade mais baixa para se precaver quanto a esse tipo de problema. O recurso do brilho automático (quando o celular se ajusta sozinho ao ambiente) é bem útil nesse sentido, economizando bateria e diminuindo o aquecimento.

Você já tomou medidas para evitar que seu celular esquente muito? Conte-nos sua experiência nos comentários!

Veja Mais

POPULARES